top of page

Livro a excelência do evangelho em vasos de barros

O retorno ao primeiro amor e a santidade, e o quebrantamento do homem interior.

Página 26 E por isso pode interceder por nós diante de Deus o Pai, de dia e de noite mostrando que o sacrifício pela humanidade já foi pago naquela Cruz. Portanto Deus não pode mais condenar nenhum de nós, mas oque nos condena é a nossa própria natureza corrupta e entregue ao pecado quando estamos sem Cristo com nosso Salvador, e sem a graça de Deus nesse mundo que vive no maligno. Por isso a medida que nos entregamos voluntariamente ao conhecimento do amor, bondade e graça de Deus nossos olhos sãos abertos para que possamos conhecer pessoalmente e intimamente que os seus mandamentos para nós não são, e nunca foram pesados. Mas oque pairava sobre nós sempre foi o julgo e o fardo da religião humana e do legalismo. Sendo assim quando o evangelho de Cristo é pregado em espirito e em verdade, e no poder da sua ressurreição vemos que não existem parreiras que possam impedir alguém de ser liberto, e salvo do pecado. Portanto todos aqueles que temem algo, não são de fato aperfeiçoados no amor e graça de Deus, que nos capacita a vivermos sempre acima do poder do pecado. Pois agora que somos co participantes da sua vida e ressurreição, e também andamos segundo os valores e princípios do Espirito Santo que nos enche a cada dia dos seus dons, talentos e virtudes. Veremos claramente que o nosso real problema está intimamente ligado a forma como pensamos, falamos, e agimos. Pois quando essas três realidades estiverem doentes e no enganos dos valores desse mundo caído, certamente viveremos aprisionados e oprimidos por toda a nossa vida sem que exista descanso ou qualquer esperança. Mas se focarmos todas as nossas forças em unir essas realidades ao conhecimento das verdades em Cristo, no amor, bondade e graça de Deus teremos vida e vida com abundancia por todos os dias de nossas vidas. Pois agindo Deus quem poderá impedir, e quem intentará algo contra os escolhidos de Deus, se é o próprio Deus quem os justifica. Por isso amados irmãos em Cristo, devemos viver não segundo nossa mentalidade carnal e entregue ao pecado, mas sim devemos renovar a nossa mente segundo os valores do evangelho pois temos a mente de Cristo. E por termos a mente de Cristo, vivemos dia após dia em novidade de vida e não na velhice e impotência da letra. Pois a letra mata, mas o Espirito vivifica. Autor: Leonardo Pimentel Menin

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page